15 de mai de 2010

Antônio Alves Villares da Silva




Antônio Alves Villares da Silva, engenheiro nascido em Campina no dia 01 de Dezembro de 1885, cresceu no orfanato Instituto Santa Rosa na cidade de São Paulo, onde aprendeu o ofício de marceneiro. Retornou para Campinas, ingressando no curso de matureza (equivalente ao ensino médio) e preparou-se para o curso superior, formando-se na Escola Politécnica de São Paulo em 1911.


Villares começou sua carreira profissional trabalhando no pedestal do Monumento da Independência, colaborou nos escritórios Ramos de Azevedo e fundou, em sociedade com Eribaldo Siciliano, a firma de engenharia Siciliano & Silva. Ele adorava apostar, logo comprou um chalé que pertencia ao Cardeal Arcoverde, localizado próximo do Cassino no Balneário do Guarujá - especificamente na rua Mário Ribeiro, de esquina.

Foi Villares que doou (entre 1963 - 1968) a grande estátua de bronze do Cristo com o cordeiro a paróquia do Guarujá. O padre Don Domênico, ao saber da relevância de tal monumento, presenteou ao bispo de Santos Don Picão. A estátua chegou a viajar até Santos, porém uma das clausulas da doação era que o Cristo deveria permanecer na cidade de Guarujá. Quando o bispo leu o contrato levado pela filha de Villares, Maria Villares da Silva Novaes, comentou: ''Que assunto desagradabilíssimo'' e determinou que a estátua do Cristo retornasse ao Guarujá, onde esta até hoje na Av. Puglisi.

(Fontes: Guia Histórico de Guarujá - 2002 e 'http://www.dicionarioderuas.com.br/')

0 comentários:

Postar um comentário

Blog Guarujá Web, história e curiosidades do Guarujá. Escrito por Francisco Farias Jr | Blogger Template by Enny Law - Ngetik Dot Com - Nulis